Liberte-se do Ciclo da Depressão.

A Organização Mundial da Saúde estima que pelo menos 350 milhões de pessoas sofram de depressão em todo o mundo. 

Ao contrário de uma doença física como um resfriado ou febre, a depressão não pode ser curada apenas com a medicação; ela requer força de vontade e perseverança, algo difícil de ser encontrando quando a pessoa está deprimida.

Tem se tornado cada vez mais frequente ouvir das pessoas que mergulharam de cabeça em uma crise de ansiedade ou depressão. Que estão estressados e se tratando com medicação contra a ansiedade.

Mas o que está acontecendo com as pessoas?
Será que é normal ser estressado?
Será que ser ansioso e ter depressão virou moda?

Definitivamente, NÃO!!!

Estas pessoas não estão felizes, entraram em um ciclo de estresse – ansiedade e depressão do qual não conseguem sair e acabam buscando na medicação a ponte para a salvação. Sim o medicamento pode auxiliar a superar, mas será a mudança de padrão de pensamentos que permitirá superar este ciclo e nunca mais vivenciar este sofrimento.

A pessoa deprimida fica atrelada a um ciclo de depressão, ansiedade e ao medo da depressão voltar. Para muitos que sofrem de depressão, isso pode durar anos ou mesmo uma vida inteira.


Então quebre este ciclo. Quando começar a se sentir estressado, ansioso, não espere esta situação se agravar. Mude, quebre este padrão de comportamento.

Confira 5 atitudes para incorporar ao seu dia:

Abrace muito!


1) Busque o Toque Humano: Pode não fazer muito sentido na primeira vez que você considerar, mas é uma das melhores maneiras de começar a sair da depressão. Você vai entender a força de um abraço, de uma mão no ombro, do sentimento associado ao conforto. Lembre-se que o toque é a primeira coisa que experimentamos quando chegamos a este mundo. Se você se sentir triste e deprimido, talvez seja hora de se aproximar. Literalmente.

 

2) Fotografe:  Você acorda e vai para o trabalho por horas, depois volta para casa e dorme ou talvez você não esteja trabalhando e seu dia consiste em nada além de ficar sentado em casa.  É fácil deixar que os dias desapareçam, sem separar um dia do outro. E não há nada mais deprimente do que saber que semanas, meses e até anos estão passando, e você não está  notando. 

Então tire fotos. Sim, use seu smartphone e tire fotos. Toda vez que você sair e ver algo bonito, interessante ou único, pegue o celular e tire fotos. Tirar fotos é uma maneira fácil e gratificante de criar algo e apreciar o mundo. Quando você está preso em uma cabeça cheia de depressão, precisa destas atitudes para se levantar novamente.

Gostou? Fotografe. E poste.

3) Escute Música Alegre: Crie playlists alegres no seu Spotify. Encher a cabeça de música triste e lenta é sucumbir à tristeza.  Alimentar sua depressão só a encoraja. Mude o ambiente. Ouça músicas alegres que façam você querer dançar. Mais cedo ou mais tarde, com força de vontade suficiente, essa música feliz se tornará sua realidade.

 
4) Faça Atividade Física:  O exercício é uma maneira incrível de acabar com a depressão, e há duas razões: mental e química. Em primeiro lugar, quem não gosta de ter uma boa aparência? Sentir-se mais forte e saber que seu corpo está se tornando melhor, contribui para uma imagem pessoal mais feliz. 

Em segundo lugar, a razão pela qual a medicação  ajuda a depressão é porque grande parte da depressão está relacionada às substâncias químicas em nosso cérebro. Lutar contra a depressão é mais do que apenas lutar contra a tristeza e a dor em sua vida; é também garantir que você incentive a produção destas substâncias, os  “hormônios da felicidade”. O exercício libera endorfina no cérebro, provocando positividade e reduzindo a capacidade de sentir dor.

Academia, caminhada, esportes, tudo vale


5) Viva Espontaneamente: Quebre sua rotina. A depressão tem essa incrível capacidade de transformar os dias em semanas e semanas em meses. Você pode passar anos antes de notar uma diferença em sua vida, e antes que você perceba, uma década pode ter passado sem que você realmente tenha feito algo novo. 

Então pare de esperar. Pare de deixar a depressão roubar sua vida. Vá para fora e faça alguma coisa. O que exatamente? Qualquer coisa. Seja espontâneo – organize um jantar com amigos, faça uma viagem, escolha um novo hobby, comece a praticar algum esporte. Faça algo novo que não foi planejado ou esperado. 

 

6) Seja Bondoso: Um estudo publicado no Journal of Happiness Studies sugere que espalhar bondade pode diminuir a ansiedade. Douglas Gentile, autor do estudo e professor de Psicologia na Iowa State University, diz :

Andar por aí e ser gentil com os outros  reduz a ansiedade e aumenta a felicidade e os sentimentos de conexão social. É uma estratégia simples e que não leva muito tempo para que você possa incorporar em suas atividades diárias.

Gentileza atrai gentileza.

 

Se a sua ansiedade é inicial há uma boa chance de você responder muito bem utilizando estas técnicas. Se os sintomas são mais intensos pode ser importante você considerar buscar ajuda. A terapia é a maneira mais efetiva de superar este ciclo. Mude a sua história e mude a sua vida. 

 

 

 

Livremente inspirado no texto do Ideapood

Sua Nova História - por Juliana Zen

Fruto de um longo trabalho no mundo corporativo, Sua Nova História é um estímulo ao profissional para ir em busca do autoconhecimento como ferramenta de crescimento.

Entre em Contato

Rua Santos Dumont, 1285, sl 1201 – Exposição – Caxias do Sul – RS – 95084-390

Me encontre nas redes sociais

Todos os direitos reservados – Juliana Zen CRP 07/05213 – Política de Privacidade